segunda-feira, 20 de novembro de 2017

ANTES DE TUDO

Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões e ações de graças por todos os homens, pelos reis e por todos os que estão em eminência. 1 TIMÓTEO 2.1,2

Quando seguimos as instruções da Palavra de Deus e damos primazia às coisas mais importantes, obtemos resultados. Assim acontece, especialmente no tocante às Escrituras. Seguindo as instruções e colocando, antes de tudo, as coisas mais importantes, podemos confiar que receberemos, da parte de Deus, aquilo que Ele tem providenciado para nós.
Antes de tudo quer dizer antes de qualquer coisa.
Note também que, juntamente com as súplicas, orações e intercessões, a Palavra menciona ações de graças.
Para que compreendêssemos exatamente aquilo que Paulo tinha em mente, ele nos disse o que significa a expressão todos os homens. Reis inclui presidentes, governantes e os outros líderes das nações. Todos os que estão em eminência inclui, nos dias atuais, os deputados estaduais, os vereadores, dentre outros.
Se nós, como cristãos, queremos agradar a Deus, quem colocaremos em primeiro lugar em nossa lista de orações e ações de graças? Nós mesmos? Nossos filhos? Nossos netos? Nossa igreja? Não! Se quisermos agradar a Deus, teremos de fazer exatamente conforme o Pai nos mandou. Teremos de orar e render graças a Deus, antes de tudo, por todos aqueles que se acham investidos de autoridade.

Confissão: "Obrigado, Senhor, pelo nosso Presidente da República. Obri­gado por todas as autoridades".


domingo, 19 de novembro de 2017

AÇÕES DE GRAÇAS

Louvem ao SENHOR pela sua bondade e pelas suas maravilhas para com os filhos dos homens! E ofereçam sacrifícios de louvor e relatem as suas obras com regozijo! SALMOS 107.21,22

Nos Estados Unidos, nossos antepassados dedicaram um dia - o Dia de Ações de Graças - para render graças a Deus pelas Suas bênçãos sobre eles naquele novo mundo. O Altíssimo os abençoara espiritual e materialmente.
Nós também devemos dar graças a Deus pelas bênçãos espirituais e materiais que Ele tem-nos dado. Devemos louvá-Lo pela Sua amorosa proteção e pelo Seu cuidado.
Em se tratando de ações de graças, examinaremos a Palavra de Deus para ver o que Ele tem a nos dizer a respeito. Consultaremos o Novo Testamento, porque vivemos debaixo da Nova Aliança, para ver quais são as coisas pelas quais devemos render graças a Deus.

Confissão: "Louvo ao Senhor pela Sua bondade. Ofereço o sacrifício de ações de graças e proclamo com júbilo as Suas obras. Dou graças a Ele pelas bênçãos espirituais e materiais da vida. Dou graças a Deus pela Sua proteção e Seu cuidado".


sábado, 18 de novembro de 2017

Crescendo

Para que não sejamos mais meninos [...] EFÉSIOS 4.14

Fiquei sabendo, posteriormente, que poucos minutos depois de a minha mãe ter dado o meu recado ao meu tio, minha prima, de repente, abriu os olhos e ficou totalmente recuperada! Estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com três médicos ao redor da cama. O cirurgião-chefe falara que não havia possibilidade de ela sair com vida.
Eu sabia o tempo todo que ela sararia, porque Marcos 11.23 declara assim. Com o passar dos anos, consegui fazer a Palavra funcionar uma vez com cada um dos meus parentes, trazendo a eles uma intervenção sobrenatural. Mas nunca consegui repetir a ação. Aquela primeira intervenção deu-lhes a comprovação sólida de que a Palavra funciona. Quando, porém, algum deles voltava-se para mim em outra ocasião, já não me era possível carregá-lo nas costas [espiritualmente falando]. Deus esperava que eles fizessem a parte deles da próxima vez, ou que, pelo menos, concordassem comigo.
Nem sempre podemos fazer a Palavra funcionar em favor dos outros. Não é correto carregar as pessoas nas costas durante toda a vida, assim como não é correto os pais carre­garem seus filhos depois de crescidos. Chega o dia em que precisam movimentar-se por conta própria; chega o momento em que Deus diz: "Coloque aquele nenê grandalhão no chão e deixe-o andar!"

Confissão: "Estou crescendo espiritualmente; estou crescendo na fé".


sexta-feira, 17 de novembro de 2017

A Palavra enviada

Enviou a sua palavra, e os sarou [...] SALMOS 107.20

Certa vez, um tio meu que ainda não aceitou a Jesus tele­fonou para a minha mãe. Ele queria que ela me procurasse para eu orar em favor da filha dele, que estava morrendo. Pedi à minha mãe que dissesse ao meu tio que minha prima não morreria.
"Oh, filho, você recebeu um recado do Senhor?", mamãe me perguntou. Ela sabia que o Senhor costuma revelar-me coisas.
"Sim, recebi um recado do Senhor. Ela viverá e não morrerá", garanti.
"Louvado seja o Senhor! Isso é maravilhoso!"
"Sim, recebi um recado do Senhor em Marcos 11.23".
"Oh", disse ela, um tanto decepcionada.
As pessoas dão mais ênfase a algum tipo de manifestação do que dão à Palavra. Não faça assim. Coloque a Palavra em primeiro lugar.
Quando falei de novo à minha mãe aquilo que eu mandara dizer ao meu tio, ela perguntou: "Você imagina que isso surtirá efeito, filho?"
"Certamente! A tabuada funciona? Ninguém chega a dizer que não sabe se tem fé suficiente para fazer uso da tabuada. Se você põe em prática Marcos 11.23, o que pede acontecerá. É Deus quem faz a obra. E justamente nesse ponto que alguns crentes deixam de receber o que pedem, pensando que são eles que realizam a obra. Não! Deus realiza tudo. Quanto a nós, é só fazermos aquilo que a Palavra nos manda".

Confissão: "A Palavra de Deus funciona. Ponho-A em prática, e Ela funciona para mim".